Pabx virtual ou físico?

Atualizado: Abr 14

A principal distinção entre eles é na forma de funcionamento do sistema. No PABX convencional, um equipamento é responsável por fazer as ligações. Em alguns casos esse modelo pode demandar um maior investimento em outros recursos, como cabeamento e a compra de aparelhos telefônicos. Já o PABX em nuvem, trata-se de um solução baseada em software que pode ser instalado de forma local (servidor físico ou virtualizado) ou na nuvem.

Dessa forma, equipamentos específicos não são necessários para o uso dos recursos de telefonia e seu funcionamento precisa de acesso à internet. O PABX convencional é ideal para empresas mais tradicionais, que ainda não têm necessidade de recursos mais avançados ou que estão em processo de migração das tecnologias analógica e digital para a tecnologia IP. Essa plataforma dispõe de benefícios que já atendem bem à demanda de muitos negócios. Suas principais vantagens são:

  • gerenciamento de ligações, podendo ser externas ou internas;

  • criação de vários ramais;

  • possibilidade de incluir senhas nos ramais;

  • identificador de chamadas.

A inovação desse sistema para o ambiente cloud, ou em nuvem, permite um ganho considerável àquelas empresas que possuem um fluxo muito alto de atendimentos telefônicos ou necessitam de mais mobilidade para seus colaboradores. O PABX em nuvem permite, por exemplo, que os ramais sejam usados em qualquer dispositivo que tenha acesso à rede de internet. Mas há, ainda, muitos outros ganhos:

  • backup contínuo, não havendo a perda de dados;

  • pode ser usado em celulares e tabletes;

  • ligações sem custos entre os números internos;

  • redução nos gastos com ligações;

  • gerar relatórios;

  • não se paga pela ociosidade dos recursos;

  • recuperação ágil;

  • agilidade nas manutenção;

  • Redução dos custos.

15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo